Seguidores

sexta-feira, 9 de agosto de 2013

SENHOR...



Senhor, fazei que eu ande!

Libertai minhas pernas da preguiça, afastai do meu corpo a vontade de acomodar-me
Desatai meu coração das amarras que o prendem às coisas sem importância
Soltai meu espírito da desgraça do egoísmo e da indiferença.
Fazei com eu me disponha a ir ao encontro da humanidade 
que ainda não achou o rumo da salvação.


Senhor, que eu não fique

dormindo no meu barco ancorado num mar de tranquilidade,
que eu não fique vegetando nesta "doce vida" de cristão convencido de possuir
"o passaporte" para o reino dos céus,
mas que eu sinta, como o apóstolo Paulo,
o desejo de andar e a inquietação missionária: "Ai de mim se não evangelizar".


Senhor, que eu me dirija

ao encontro daquele que sofre, porque ninguém ainda lhe estendeu a mão;
ao encontro daquele que chora, porque ninguém ainda o amou;
ao encontro daquele que caminha nas trevas, porque ninguém lhe mostrou o caminho da luz.


Senhor, que eu seja capaz

de levar uma fatia de pão e um copo de água: o pão do calor humano e a água da vida.
Que em vez de maldizer, eu seja capaz de acenar para uma luz que conduz ao bem comum
que eu seja capaz de ser uma esperança amiga que desperte a fé e encaminhe as pessoas para o amor.


Senhor, que eu ande sempre,

mas não me deixes partir sozinho e de mãos vazias.
Fazei com que eu leve comigo o suave peso da Vossa presença.
Dai-me, todos os dias, a vontade de ser alguém a serviço do Vosso amor.
Que assim seja,
Amém.


Um comentário:

  1. maravilhoso todo conteudo, aproveito o maximo de seus textos e aulas..

    ResponderExcluir

"Que a estrada se abra à sua frente,
Que o vento sopre levemente em suas costas,
Que o sol brilhe morno e suave em sua face,
Que a chuva caia de mansinho em seus campos,
E, até que nos encontremos, de novo...
Que Deus lhe guarde nas palmas de suas mãos!"

OBRIGADA POR DEIXAR SEU COMENTÁRIO!