Seguidores

terça-feira, 17 de abril de 2012

AS PALAVRAS MÁGICAS


Palavras mágicas são aquelas que abrem portas.
Nada complicado como abracadabra ou qualquer coisa do gênero.
São aquelas simples do dia-a-dia e que ficam tão corriqueiras que muitas vezes nos esquecemos.

É incontestável o poder das palavras nas nossas vidas.
As que dizemos e as que calamos; as que saem do olhar, as que são ditas com lágrimas, as que fluem de um sorriso, as que são gritadas em silêncios que machucam...

E aquelas tão simples que parecem banais demais, mas que nos tornam pessoas educadas, simpáticas, agradáveis e que nem precisam de estudo ou sermos adultos para que façam parte do nosso vocabulário.

Um obrigado substitui centenas de outras palavras; um bom dia pode ser o primeiro raio de sol na nossa janela, assim como um boa noite o último raio de luar da noite.

Com licença abre caminhos, perdão e desculpe derretem corações e podem trazer oportunidades que estavam perdidas para sempre.
O por favor faz hesitar o mais endurecido dos corações e pode até fazer com que mude de idéia.

“Você é importante para mim” eleva a auto-estima; “você vai vencer” nos dá coragem para prosseguir e, enfim, as mais poderosas de todas as palavras: “AMO VOCÊ!” Nessas palavras estão incluídos dicionários inteiros, até mesmo com as palavras que desconhecemos.

A gentileza é uma arte que não custa nada e que nos trás enormes benefícios.
O mundo não nos pertence e não vivemos isolados como ilhas no meio do oceano.

Fazer uso das palavrinhas mágicas no nosso dia-a-dia só vai nos tornar pessoas mais simpáticas, vai também construir pontes entre nós e aqueles que o Senhor escolheu para fazerem parte da história da nossa vida.

(Letícia Thompson)

Um comentário:

  1. Olá, minha querida, boa noite!!
    Voltei para agradecer o carinho de sua visita e pelo belo comentário incentivador.
    Que Jesus a abençoe e aos seus belos posts.
    Abraço9 fraterno

    ResponderExcluir

"Que a estrada se abra à sua frente,
Que o vento sopre levemente em suas costas,
Que o sol brilhe morno e suave em sua face,
Que a chuva caia de mansinho em seus campos,
E, até que nos encontremos, de novo...
Que Deus lhe guarde nas palmas de suas mãos!"

OBRIGADA POR DEIXAR SEU COMENTÁRIO!