Seguidores

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

AS SETE CHAVES

Com as “sete chaves” você
encontra a Palavra de Deus que
está na Bíblia e na vida e
entenderá melhor o sentido
escondido atrás das palavras.
Dividir a turma em sete grupos. Cada grupo
deve desenhar uma grande chave e um cartaz
com gravuras representando uma das chaves.
Depois que o grupo apresenta o seu cartaz,
coloca sua respectiva chave em um barbante,
formando assim um grande chaveiro. Podese
também cantar uma música que faz
referência à chave do grupo. Ao final, faze-se
o plenário. As chaves são:
Pés bem plantados na realidade.
Para ler bem a Bíblia é preciso ler bem a vida,
conhecer a realidade pessoal, familiar e
comunitária, do país e do mundo. É preciso
conhecer também a realidade na qual viveu o
povo da Bíblia. A Bíblia não caiu do céu
prontinha. Ela nasceu das lutas, das alegrias,
da esperança e da fé de um povo. (ver Ex
3,7-10)
Olhos bem abertos.
Um olho sobre o texto da Bíblia e outro sobre
o texto da vida. O que fala o texto da Bíblia?
O que fala o texto da vida? A Palavra de Deus
está na Bíblia e está na vida. Precisamos ter
olhos para enxergá-la.
Ouvidos atentos.
Um ouvido para escutar o clamor do povo e
outro para escutar o que Deus quer falar.
Coração livre para amar.
Ler a Bíblia com sentimento, com a emoção
que o texto provoca. Só quem ama a Deus e
ao próximo pode entender o que Deus fala na
Bíblia. Coração pronto para converter-se.
Boca para profetizar.
Anunciar e denunciar aquilo que os olhos
viram, os ouvidos ouviram e o coração sentiu
sobre a Palavra de Deus. Como posso me
calar?
Cabeça para pensar.
Usar a inteligência para meditar, estudar e
buscar respostas para nossas dúvidas. Ler a
Bíblia e outros livros que nos expliquem a
Bíblia.
Joelhos dobrados em oração.
Só com muita fé e oração dá para entender a
Bíblia e a vida. Pedir ajuda ao Espírito Santo
para entender o “espírito” da Bíblia. Não
podemos fazer uma leitura ao pé da letra,
porque a letra mata e o espírito vivifica, como
adverte São Paulo (ver 2Cor 3,6).
Certamente descobriremos outras chaves,
mas estas são indispensáveis. É bom unir
as chaves num chaveiro forte e firme. Este
chaveiro é a família, o círculo bíblico, ou sua
comunidade. A Bíblia lida em comunidade
se torna mais fácil, mais proveitosa, mais
agradável (ver Mt 18,20).

As Sete Chaves
Adaptação da dinâmica extraída do
livro “El Poblado e La Bíblia”, J.
Saraiva, Paulinas, México

3 comentários:

  1. Oi Cristiane a Paz de Jesus,passei para fazer uma vizita e sai maravilhado com tudo no seu blog parabens fique com Deus abraços

    ResponderExcluir
  2. OLÁ!!! TEM SELINHO LÁ NO BLOG PRA VOCÊ. UM ABRAÇO GIGAAAANTE PRA VC.

    ResponderExcluir
  3. Estou aqui mais uma vez registrando a importância desse site e das postagens, quando passo por aqui sempre me surpreendo com as lições ou sugestões de evangelismo. Parabéns por tanta dedicação e carinho com os pequeninos. Em Cristo... Fausto!

    ResponderExcluir

"Que a estrada se abra à sua frente,
Que o vento sopre levemente em suas costas,
Que o sol brilhe morno e suave em sua face,
Que a chuva caia de mansinho em seus campos,
E, até que nos encontremos, de novo...
Que Deus lhe guarde nas palmas de suas mãos!"

OBRIGADA POR DEIXAR SEU COMENTÁRIO!