Seguidores

segunda-feira, 6 de junho de 2011

APARÊNCIA...

  
Alguém, muito desanimado, entrou numa igreja e em determinado momento disse para Deus:
- Senhor, aqui estou porque em igrejas não há espelhos,pois nunca me senti satisfeito com minha aparência.”
Subitamente uma folha de papel caiu aos seus pés, vinda do alto do templo.

Atônito, ele a apanhou e nela viu a seguinte mensagem:
“Minha criatura, nenhuma das minhas obras veio ou ficou sem beleza, pois a aparência é classificação 
dos homens e não minha.

Não importa, se um corpo é gordo ou magro:
Ele é o templo do espírito e este é eterno.

Não importa se os braços são longos ou curtos:
sua função é o desempenho do trabalho honesto.
 
Não importa se suas mãos são delicadas ou grosseiras:
sua função é dar e receber o bem.
 
Não importa a aparência dos pés:
sua função é tomar o rumo do amor e da humildade.
 
Não importa o tipo de cabelo, e quantidade em uma cabeça:
o que importa são os pensamentos que por ela passam.
 
Não importa a forma ou a cor dos seus olhos:
o que importa é que eles vejam o valor da vida.
 
Não importa o formato de um nariz:
o que importa é inspirar e expirar a fé.
 
Não importa se a boca é graciosa ou sem atrativos:
o que importa são as palavras que saem delas.”
 
Ainda atônito, esse alguém dirigiu-se para a porta de saída,
que tinha algumas partes de vidro.
 
Nesse exato momento, sentiu que toda sua vida se modificaria.
Havia esse lembrete na porta aderido:
 
“Veja com bons olhos seu reflexo neste vidro,
e lembre-se de tudo que deixei escrito.
Observe que não há uma única linha sobre mim,
que afirme que sou bonito.”

“Amamos as pessoas não pela beleza que existe nelas, mas pela beleza nossa que nelas aparece refletidas. Por isto, somos mendigos de olhares. Olhos são espelhos...”

2 comentários:

  1. mto otimo teu blog parabéns!!!!

    ResponderExcluir
  2. Lindo seu Blog Parabéns...
    Ahhhh, eu também estou na parceria Catequistas unidos. Vamos Trabalhar juntos ...
    Dá uma passadinha no meu blog também . http://ericamagropires.blogspot.com
    beijos
    Érica

    ResponderExcluir

"Que a estrada se abra à sua frente,
Que o vento sopre levemente em suas costas,
Que o sol brilhe morno e suave em sua face,
Que a chuva caia de mansinho em seus campos,
E, até que nos encontremos, de novo...
Que Deus lhe guarde nas palmas de suas mãos!"

OBRIGADA POR DEIXAR SEU COMENTÁRIO!