Seguidores

domingo, 20 de março de 2011

A PEDRA...


 O distraído nela tropeçou...  O bruto a usou como arma... O empreendedor, usando-a, construiu... O camponês, cansado da lida, dela fez assento... Para meninos, foi brinquedo... Drummond a poetizou... Já, Davi, matou Golias, E Michelangelo extraiu-lhe a mais bela escultura... E em todos esses casos, a diferença não esteve na pedra, mas no homem!


http://angprr.blog.uol.com.br/arch2011-03-13_2011-03-19.html#2011_03-15_17_12_10-2711087-0

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"Que a estrada se abra à sua frente,
Que o vento sopre levemente em suas costas,
Que o sol brilhe morno e suave em sua face,
Que a chuva caia de mansinho em seus campos,
E, até que nos encontremos, de novo...
Que Deus lhe guarde nas palmas de suas mãos!"

OBRIGADA POR DEIXAR SEU COMENTÁRIO!